Lisboa

Mais mandatos da CDU dão força a Lisboa

Centenas de apoiantes e candidatos mostram alegria e entusiasmo na baixa lisboeta

A poucas horas de terminar a campanha eleitoral, João Ferreira reafirmou que a CDU demonstrou estar preparada para assumir todas as responsabilidades na Câmara, enquanto Jerónimo de Sousa salientou que, se os eleitores acrescentarem mais um vereador à CDU em Lisboa, é a cidade que fica a ganhar.

A arruada de Lisboa começou no Chiado, pouco depois das 18 horas. Com muitas bandeiras nas mãos e autocolantes ao peito, os candidatos, apoiantes e activistas foram alinhando em sentido descendente, no topo da Rua Garrett. À frente, sem qualquer faixa, perfilaram-se o Secretário-geral do PCP, os primeiros candidatos da CDU à Câmara e à Assembleia municipais, dirigentes do PCP e do PEV e, logo atrás, um numeroso e muito animado grupo de jovens.

Gritando «CDU avança com toda a confiança», «Novo rumo para Lisboa, mais força à CDU» ou apenas «CDU! CDU!», o desfile foi-se estendendo por praticamente toda a rua, oferecendo motivo de surpresa e de registo fotográfico para os muitos turistas estrangeiros que ali passeavam.

Na Rua do Carmo, mais estreita, subiu o eco das vozes, suscitando a atenção também de quem estava no passadiço do elevador de Santa Justa.

Mais votos e mais mandatos

Um palco foi improvisado no fundo da rua, com amplificação sonora até meio da subida.

Carlos Silva Santos, mandatário da coligação PCP-PEV na cidade-concelho, saudou efusivamente todos os presentes e começou por dar a palavra a João Ferreira.

O cabeça-de-lista na eleição para a CML assinalou que, com a campanha eleitoral que está a terminar, mas também com o trabalho realizado pelos seus eleitos nos órgãos do município e das freguesias ao longo do mandato e durante muitos anos, ao serviço da cidade e da população, num compromisso para a transformação da sociedade, a CDU demonstrou que está preparada para assumir todas as responsabilidades que os lisboetas lhe queiram atribuir no dia 1.

Com o resultado do próximo domingo, cuja construção a CDU não deixa nas mãos de outros, será possível ganhar a força suficiente para aprovar e aplicar mais medidas justas, para alterar as políticas municipais e para colocar Lisboa num rumo novo, para cumprir o direito à cidade para todos, concluiu João Ferreira.

Heloísa Apolónia, dirigente do Partido Ecologista «Os Verdes» e primeira candidata da CDU na lista para a Câmara Municipal de Oeiras, lembrou como tem sido recebida com simpatia a Coligação Democrática Unitária, reflexo do trabalho dos seus eleitos e da proximidade com a população, e referiu que várias pessoas, sem opção partidária ou votantes de outras forças em eleições anteriores, têm declarado que desta vez o seu voto irá para as listas PCP-PEV.

Destacou as respostas aos problemas da mobilidade na Área Metropolitana de Lisboa, referindo que em Setembro entrou em vigor o desconto de 25 por cento nos passes dos estudantes do Ensino Superior e criticando PSD, CDS, PS e BE por não terem viabilizado a proposta, também dos eleitos da CDU, para criação do passe social intermodal.

Jerónimo de Sousa registou o ambiente de grande confiança e entusiasmo e saudou todos os que se empenharam em contribuir com o seu esforço para a campanha. Foi sublinhada com aplausos a referência a João Ferreira, como o mais bem preparado de todos os candidatos à presidência da CML, sempre presente na vida da cidade e com intervenção qualificada, dando voz às aspirações do povo.

Afirmando a confiança em que o resultado se vai traduzir no reforço da CDU, classificou a campanha realizada, em Lisboa e por todo o País, como grande, entusiástica e confiante. O Secretário-geral notou que, também aqui, a CDU está a avançar e a crescer, o que é decisivo para dar a Lisboa outro rumo. O que verdadeiramente conta, sublinhou, é conseguir mais votos e mais mandatos, ganhar mais força para imprimir à gestão do município aquilo que a população espera da autarquia. Se, aos dois vereadores da CDU, a população acrescentar um terceiro, é a cidade que fica a ganhar, acentuou Jerónimo de Sousa.

Reiterando o apelo ao empenhamento de todos no esclarecimento e na mobilização para o voto até ao último minuto, Silva Santos deixou o convite para as duas grandes iniciativas desta noite no distrito, em Odivelas e em Loures.

Partilha

CDU - Coligação Democrática Unitária - PCP-PEV | Eleições Autárquicas 2017